quinta-feira, 22 de julho de 2010

Marie Mount Freezer

Hoje foi o meu primeiro dia de trabalho no CNL (Cognitive Neuroscience of Language). O CNL é um dos laboratórios do departamento de lingüística. É por lá que os alunos vão trabalhar e estudar, e os professores também ficam por ali. Como ontem meu cartão da universidade foi liberado pra acessar o laboratório (sim, pra entrar no laboratório tem que passar o cartão na porta), hoje fui trabalhar lá pra começar a socializar com o resto dos alunos.

Pois bem, durou pouco mais de duas horas o meu empreendimento. Acontece que por um problema técnico qualquer o prédio inteiro tava com a refrigeração, digamos, um pouco exagerada. Eu, claro, fui pra lá de bermuda e uma blusa bem fresquinha - eu e todas as outras pessoas que estavam por lá. Mas essas tinham casacos ou cobertores (sim, cobertores! já explico) à mão. Não consegui me concentrar pra trabalhar e acabei vindo pra casa ao meio-dia, antes que eu virasse um picolé.

Sobre o laboratório: não fiquei muito tempo lá dentro e conheci poucas pessoas (precisamente três), mas deu pra sacar que o ambiente é legal e é praticamente a segunda casa de todos. Tem os escritórios de alguns professores, alguns outros escritórios que são usados, eu acho, por alunos mais diretamente ligados ao laboratório, tem uma área com vários Mac Pro fantásticos (aqueles mais caros, que custam um buzilhão de reais) e uma sala de reuniões que é onde os alunos ficam trabalhando. Ali tem uma mesa grande, poltronas e sofás, e um canto com microondas, frigobar e pia. Ou seja, é praticamente uma casa: as pessoas levam suas canecas, pratos, copos, talheres e... cobertores. Acho que tem uma outra cozinhazinha num canto também, e tem um piano num corredor. Elétrico, daqueles que dá pra usar com fones.

Moral da história: do freezer pro forno da rua, pro ar do shuttle, pro forno da rua de novo e pra temperatura agradável de casa = dor de cabeça o dia todo. Amanhã vou munida de casacos, porque não se sabe quando é que vão resolver o problema do ar do prédio. Espero que seja em breve, porque calor é ruim, mas ficar congelando também não dá.

2 comentários:

Anônimo disse...

Nossa é um baita apê esse lab!
Os macs são liberados pra usar? Pq se forem tu nem precisa levar teu comp, né?

Leo disse...

não vi ninguém usando os macs... mas mesmo que seja liberado prefiro usar o miles, afinal tem todos os meus textos dentro.